DOWNLOADS

*campos obrigatórios

Para iniciar o download de material exclusivo, preencha com seus dados:

CONTATO

*campos obrigatórios

Entre em contato conosco e supere suas expectativas:

CONTRATE

*campos obrigatórios

Formulário:

Verifique a disponibilidade de agenda para contar com a presença de
Carlos Hilsdorf em seu evento.
Torne seu evento único!

Preencha o formulário ao lado.

+55 16 3374.3839

Rua Sete de Setembro, 1353, Centro
CEP: 12560-180 São Carlos - SP

Blog

Arquivos da categoria: competencia

Painel de Perguntas e Respostas – Jornadas Pymes 2011 – Buenos Aires – Argentina

Em Setembro, o palestrante Carlos Hilsdorf realizou palestra na cidade de Buenos Aires, na Argentina, para cerca de 1.000 empresários argentinos em um dos maiores eventos empresariais do país, a Jornadas Pymes. Após a palestra, Carlos Hilsdorf respondeu a perguntas dos participantes. Confira abaixo alguns trechos:

01 – ¿Cómo recrear la visión de negocio?



02 – ¿Cómo llevar la empresa que tenemos a un negocio más competitivo?



03 – ¿Cómo evitar que el margen de ganancia de los productos o servicios se deteriore?



04 – ¿Cómo hacer para que no nos copien los competidores?



05 – ¿Qué ha pasado las generaciones de hoy? ¿Acaso no tienen vocación de “servicio”?



06 – ¿Cómo evitar el deterioro de las ganancias de la empresa? ¿Aumentar las ganancias en la amplitud del negocio es evitar el deterioro? Ej. abrir un nuevo nicho priorizando un producto en particular para su venta.



07 – ¿Cómo detectar por qué nos elige el cliente?



Agradecemos a colaboração de toda a equipe de Jornadas Pymes 2011.

Ócio criativo: um debate entre Itália e Brasil sobre trabalho

No dia 11 de Outubro de 2011, o palestrante Carlos Hilsdorf esteve realizando palestra no Congresso Mundial de Administração, realizado na cidade de Turim, na Itália. Em uma apresentação conjunta com Domenico de Masi, autor da aclamada obra “O Ócio Criativo”, Carlos Hilsdorf apresentou a autoridades de Administração de diversos países novas ideias sobre o trabalho e a relação entre empregadores e empregados. Confira esta matéria publicada no site da Revista Exame.

Ócio criativo: um debate entre Itália e Brasil sobre trabalho
por Fábio Pereira Ribeiro – Exame

No Congresso Mundial de Administração que está acontecendo na cidade de Turim, Itália, a temática trabalho está sendo amplamente discutida entre brasileiros e italianos. São pontos de desenvolvimento educacional, legislação, sindicalismo, saúde e crise internacional e seus impactos na geração e desenvolvimento do trabalho.

Um ponto interessante do evento é a participação do economista brasileiro Carlos Hilsdorf e do sociólogo italiano Domenico De Masi, que discutem de forma intensa e criativa as novas visões e oportunidades da crise internacional, e as atitudes que profissionais e trabalhadores devem ter neste momento de atualização do contexto social do trabalho.

Em tempos de gerações X, Y e Z, o ócio criativo, teoria desenvolvida por Domenico nos anos 90, ganha corpo considerando uma nova perspectiva de inserção dos jovens profissionais, a inserção tecnológica, e principalmente a amplitude de compartilhamento de conhecimento, tudo favorecendo ao processo criativo e produtivo.

E para o Brasil o debate é importante considerando o momento “bola da vez” para o país, e até mesmo para entender a visão de alto valor agregado que a Itália tem, mesmo considerando o momento de crise internacional. Pois a valorização do trabalho, e pró atividade em uma nova visão de desenvolvimento criativo avança como necessidade básica para o desenvolvimento econômico do Brasil.

O debate entre brasileiros e italianos neste momento é de suma importância para a construção de novos horizontes de negócios, seja através de ações bilaterais, mas como aprendizagem de novos caminhos para o Brasil.

Fonte: www.exame.abril.com.br

Entrevista para Portal Arca Universal

palestrante Carlos Hilsdorf

Com um vasto currículo como palestrante no Brasil e em outros países, como Alemanha e México, Carlos Hildorf é especialista em tudo que está ligado a atitudes no ambiente de trabalho e relacionamentos. Em conversa com o Portal Arca Universal, o profissional dá dicas bastante interessantes de como agir.

Confira a entrevista a seguir:

Continue lendo

O que é Empregabilidade?

empregabilidade

Quanto a sua bagagem pessoal e profissional é interessante para o mercado?

Empregabilidade é um tema extremamente dinâmico e a lista de pré-requisitos necessários para ser desejado pelo mercado cresce continuamente. As chamadas competências essenciais vão se tornando mais amplas e mais complexas à medida que o tempo passa…

Continue lendo

Líderes nascem líderes? Mito!

Há quem acredite que empreendedores nascem empreendedores. Que líderes nascem líderes. Mas basta uma reflexão mais detalhada sobre esta questão para perceber que “como somos” é muito mais importante que aquilo que trazemos em nossos cromossomos!

líderes nascem líderes?

Você, com certeza, já ouviu alguém dizer “aquele homem é um líder nato”. Se você acreditava nisto, lamento desapontá-lo, mas isto é um mito. Entenda como preferir, lenda, folclore… O fato é que isto não é real. Líderes não nascem líderes. Empreendedores não nascem empreendedores.

Continue lendo

Por que suas ideias não são aceitas?

Com certeza você já deve ter pensado “Por que minhas ideias não são aceitas?”

A maioria das pessoas acredita que tem boas ideias. E tem mesmo! Não falo daquelas idéias que possuem um rasgo de genialidade, estas são mais raras, mas falo de boas ideias, ideias que agregam valor de verdade.

Vale ressaltar que ter boas ideias é uma coisa bem diferente de ter boas ideias quando se precisa delas. Isto de desenvolver boas ideias sob medida e de acordo com a demanda é um exercício, consiste no desenvolvimento de uma competência. Competência, aliás, que muito beneficia a vida e a carreira de seus possuidores.

O fato é que a maioria das pessoas tem boas ideias, destas que agregam valor, mas poucas destas ideias chegam a se materializar para o bem de todos. Por quê?

Há muitas razões para isso, vejamos algumas…

Continue lendo

Como lidar com as críticas?

Quando desenvolvemos uma competência nos tornamos mais fortes diante da vida e de seus desafios. Dentro do rol das melhores competências que podemos e devemos desenvolver encontramos uma que nitidamente se destaca: a nossa competência em suportar a pressão das críticas!

como lidar com a crítica

As críticas se dividem em dois grandes grupos: as construtivas e as destrutivas.

A seguir, veremos como nos comportar em cada um dos casos.

Continue lendo

Você sabe delegar?

Nenhum administrador, diretor, gerente ou supervisor é uma ilha. O sucesso de toda e qualquer liderança reside no aproveitamento de times e equipes compostos por pessoas diferentes trabalhando com um conjunto de objetivos e metas compartilhadas.

Nenhuma empresa será suficientemente rápida se seus colaboradores tenderem a centralizar e a fazerem tudo por si mesmos.

A ”não delegação” é uma âncora muito pesada para toda e qualquer empresa, uma ”âncora” que frequentemente termina afundando a embarcação.

Delegar não é apenas eleger alguém a quem você passará determinada tarefa ou missão. Delegar não é livrar-se de algo transferindo este algo para alguém. Delegar é fazer as coisas acontecerem através de outras pessoas…

Continue lendo

Administração do tempo

Muitas pessoas me perguntam sobre como podemos gerenciar melhor o tempo. Reflita comigo: Se o dia tem a mesma 24 horas para todos, por que algumas pessoas conseguem ser mais produtivas? Porque elas dominam melhor a administração do tempo.

Costumo dizer que devemos tratar o tempo como o mais importante capital. Administrar bem o tempo é fundamental para uma carreira de sucesso. Respondendo a uma pergunta feita pelo twitter, decidi colocar aqui no blog o vídeo de uma entrevista que concedi exatamente sobre tema.

Este vídeo traz dicas sobre como estabelecer prioridades e mostra a diferença entre o que é importante e o que é urgente.

E você, está administrando bem o seu tempo?

Um grande abraço!

O que é empowerment e como ele funciona?

Por Empowerment, podemos entender de maneira simplificada, a delegação de poder aos nossos colaboradores. Com esta atitude a empresa descentraliza suas decisões e estabelece um estilo de gestão extremamente mais participativa, dando maior autonomia a seus colaboradores. As vantagens são maior motivação, maior satisfação das pessoas, maior agilidade e flexibilidade, portanto, maior potencial de competitividade.

A prática do empowerment é fundamental para libertar a empresa do vício da centralização que a torna lenta e burocrática!

Continue lendo