DOWNLOADS

*campos obrigatórios

Para iniciar o download de material exclusivo, preencha com seus dados:

CONTATO

*campos obrigatórios

Entre em contato conosco e supere suas expectativas:

CONTRATE

*campos obrigatórios

Formulário:

Verifique a disponibilidade de agenda para contar com a presença de
Carlos Hilsdorf em seu evento.
Torne seu evento único!

Preencha o formulário ao lado.

+55 16 3374.3839

Rua Sete de Setembro, 1353, Centro
CEP: 12560-180 São Carlos - SP

Notícias

Entrevista Carlos Hilsdorf - Liderança e Equipes de Alta Performance

Por Assessoria de Imprensa em 10-07-2010

O palestrante Carlos Hilsdorf concedeu uma entrevista à Revista Gestão & Negócios sobre o tema Liderança e Equipes de Alta Performance. Confira:


GN - Em seu entender, hoje a competividade entre as organizações e a globalização dos negócios faz os grandes talentos assumirem cada vez mais importância ou, pelo contrário são as pessoas com grande sentido de humildade e com vontade de aprender cada vez mais que marcam a diferença?

Hilsdorf - Vivemos em um mundo complexo, o­nde coisas aparentemente paradoxais acontecem simultaneamente e com muita frequência. O aumento exponencial da competitividade, oriunda em parte da globalização, oferece grandes oportunidades para diferentes tipos de "grandes talentos" que podemos dividir em dois subtipos básicos: os "grandes talentos" dotados de humildade e os "grandes talentos" destituidos de humildade.

Talento e humildade não necessariamente se desenvolvem juntos. Muitas pessoas talentosas possuem problemas de personalidade e outras particularidades psíquicas que as fazem agir de maneira arrogante para esconder seus medos e fraquezas. Todo arrogante é um fraco disfarçado de forte!

Mas empresas vivem de resultados e se uma pessoa consegue trazer resultados apesar de sua arrogância, terá espaço! Importante observar que sucesso é esporte coletivo e que vivemos, na maioria dos negócios, situações que dependem intensamente da qualidade do trabalho em equipe. Assim, os talentosos arrogantes mantêm seus postos enquanto (e somente enquanto) um grande talento possuidor de humildade não for encontrado para substituí-lo e proporcionar melhores condições de relacionamento e resultado com a equipe.

Importante ressaltar que humildade não é ser menos que os outros, é saber que não somos mais que ninguém!

Quanto ao aprendizado, ele é necessariamente contínuo para todos e deve ocorrer cada vez mais rápido. Precisamos aprender a aprender mais rápido que nossos pares e concorrentes!


GN - A liderança talentosa e demasiado carismática pode ser, no contexto atual, uma desvantagem para o fortalecimento das pessoas enquanto membros de uma equipe?

Hilsdorf - Talento e carisma não são contra-indicados para um líder, pelo contrário, mas se forem utilizados de maneira utilitarista, servindo-se das pessoas enquanto deveria servir às pessoas, neste caso, começa a ser um desarticulador das pessoas e dos resultados no trabalho em equipe.


GN - O que caracteriza uma equipe de Alto Rendimento?

Hilsdorf - Uma equipe de alta performance se caracteriza pela energia e competência com que se compromete ao aprimoramento contínuo e superação de suas metas individuais e coletivas.

Estas equipes apresentam um elevado senso de missão e significado associado a todas as suas ações e são movidas por um vínculo ao mesmo tempo profissional e psicológico, muito bem definido por Peter Senge e Peter Drucker como sendo uma espécie de "sonho compartilhado"!

Equipes de alto rendimento são compostas por pessoas de alto rendimento, pessoas que no jargão americano possuem drive, que podemos traduzir como "força própria", são automotivadas, focadas em agregar valor e na obtenção de resultados relevantes!


GN - Como se caracteriza a liderança de uma equipe de Alta Performance?

Hilsdorf - A liderança de alta performance se caracteriza por sua capacidade de fazer com que as pessoas, mesmo as mais talentosas, cheguem o­nde elas não chegariam sozinhas!

O líder de alta performance inspira as pessoas a transformarem-se qualitativamente e alcançarem metas superiores. Este líder é uma mistura de coach e mentor, sabe tratar diferentemente pessoas diferentes, sem discriminar ninguém com esta habilidade interpessoal. É um líder focado em resultados, mas dotado de um profundo respeito pelas pessoas e suas contribuições. O caráter deste líder e sua disposição em ajudar seus liderados a superarem a si mesmos faz dele uma pessoa digna de admiração e respeito!


GN - Quais os principais obstáculos que impedem o alto rendimento das equipes nas empresas?

Hilsdorf - Os principais obstáculos são:

a) Erro de gestão nos níveis hierárquicos superiores.
b) Falta de missão e visão bem definidas e alinhadas com as estratégias da organização.
c) Deficiência da liderança.
d) Falta de pertinência dos liderados (pessoas erradas nos lugares errados ou pessoas certas nos lugares errados).
e) Paternalismo (que gera falta de comprometimento).
f) Excesso de pressão (que é tão perigosa quanto a falta de pressão).
g) Falta de mecanismos coerentes de mensuração de resultados.


GN - Como deve ser preparado e treinado o líder para o alto rendimento? Ou não pode ser preparado, quem é líder já nasce líder?

Hilsdorf - Liderança é uma competência e, como tal, pode ser desenvolvida. Devemos levar em consideração a interação entre talento, conhecimento e atitude.
Ter talento não é suficiente, porque talento é potencial e, como tal, precisa também ser desenvolvido para ser utilizado em sua plenitude.

Da mesma forma que o talento para a música não transforma uma pessoa em músico, sem dedicação e conhecimento o talento ou predisposição para a liderança também não transforma alguém automaticamente em um líder de alto rendimento.
A presença do talento acelera aprendizagem e possibilita atingir níveis mais altos, e isso já é muito!
O conhecimento lapida o potencial e faz da predisposição uma consciência que, quando colocada em prática pela atitude vencedora do indivíduo, fornece as bases para a existência de um líder de alta performance.

A ideia de que o líder já nasce líder é um mito como tantos outros. Nossas características herdadas ou natas são facilitadoras, mas não garantem o sucesso. Sucesso é o encontro entre a competência (que inclui o talento) e a oportunidade (aproveitada com atitudes vencedoras).

Sobre Carlos Hilsdorf
Considerado pelo mercado empresarial um dos melhores palestrantes do Brasil. Economista, Pós-Graduado em Marketing pela FGV, consultor e pesquisador do comportamento humano. Palestrante dos Congresso Mundiais de Administração (Alemanha e Itália) e do Fórum Internacional de Administração (México). Autor dos best seller Atitudes Vencedoras, apontado como uma das 5 melhores obras do gênero (VEJA, “Guia de Carreira”, Ed. 1832), 51 Atitudes Essenciais para Vencer na Vida e na Carreira, e Revolucione Seus Negócios. Referência nacional em desenvolvimento humano.

LOJA

- CONHECIMENTO NÃO TEM PREÇO! INVISTA EM VOCÊ!